#ThighReading

Não é mais novidade alguma quando desbloqueamos nossos aparelhos eletrônicos e lemos no caminho entre casa e trabalho, notícias sobre campanhas de aceitação.

Essa poderia ser mais uma. Poderia ser em prol do menor uso da maquiagem ou qualquer coisa do tipo. Mas não, é um pouco mais legal.
Sempre vemos que com retoques – sejam de photoshop ou mesmo algum produto dermatológico ou maquiagem – as mulheres costumam esconder “imperfeições” em seus rostos e corpos. A ideia agora é que, além de se aceitarem como realmente são, elas apoiem outras.

TR3

@laurmarie_12

Tudo começou depois que a blogueira Rachel Hollis postou em seu site fotos de sua viagem em que ela aparecia de biquini, com marcas e barriga nem tão tanquinho assim por ter tido três bebês.
Princess Labia, uma usuária do Instagram postou uma foto de suas estrias e colocou a hashtag Thigh Reading, pois disse que as estrias pareciam uma leitura de mão. A foto atingiu um conceito tão legal e fez tanto sucesso que chamou atenção de grandes veículos da comunicação e ajudou mulheres a se aceitarem mais ainda.

TR1

@callmexio

Acho muito lindo que no século XXI as mulheres estejam caminhando por essa estrada e conseguindo cada vez mais se libertar de padrões, mostrando que podem sim ao mesmo tempo usar maquiagem e ter imperfeições.

@miss_london_

@miss_london_

Who run this…………….? Girls! 😉

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s